Inteligência artificial ganha cada vez mais espaço no setor de logística

por Gabriela Araújo

postado em

atualizado em

Uso de IAs e tecnologias voltadas para automação de processos estão definindo o futuro das cadeias logísticas no Brasil e no mundo

Anúncios

Muito além de uma mera tendência contemporânea, as inteligências artificiais já provaram ser uma ferramenta que chegou para ficar. No mundo corporativo, esses algoritmos já vêm sendo utilizados nos mais diversos segmentos, buscando otimizar diferentes processos operacionais e garantir uma rotina de trabalho mais produtiva a todos os profissionais envolvidos.

Um dos setores que mais vem se beneficiando com a tecnologia é o logístico, que já está utilizando recursos de automação de forma ampla. De acordo com um estudo divulgado pela Folha Digital, o uso de IAs em corporações do setor aumentou em 33% nos últimos 10 meses. Aproximadamente 72% das empresas que atuam no Brasil já utilizam a ferramenta em sua operação e, segundo especialistas, esse número tende apenas a crescer.

Anúncios

De todas as áreas do mercado que já estão utilizando inteligências artificiais, o de marketing e o de vendas são os que mais se destacam. Uma boa logística é o que define o sucesso de empresas que atuam no setor de comércio e varejo. A popularização das tecnologias de automação possibilitou corrigir diversos problemas comuns que comprometiam a eficiência operacional de grande parte dessas operações.

Como as IAs podem beneficiar processos logísticos?

Uma das maiores dificuldades enfrentadas pelo setor antes da ascensão das inteligências artificiais estava relacionada ao controle de estoques. Manter uma atualização constante sobre cada mercadoria que entrava ou saía era um processo passível de muitas falhas – especialmente em empresas grandes, onde a demanda diária costuma ser bem maior.

Graças às IAs, esse problema foi resolvido com praticidade e eficiência. Hoje, o simples ato de escanear um código de barras já atualiza os sistemas automaticamente, garantindo que os gestores tenham sempre os números reais para cada mercadoria em estoque. Isso ajuda a evitar falhas comuns como vender mais do que possui ou repor itens desnecessariamente — o que muitas vezes pode resultar em desperdícios e prejuízo.

Anúncios

Outro fator aprimorado pelas tecnologias de automação foi a rastreabilidade. Graças à implementação de IAs em frotas e empresas de transporte, agora é possível acompanhar de perto o trajeto de produtos e lotes completos — tudo em tempo real. Utilizando ferramentas de GPS, as empresas têm mais controle sobre tudo que vendem ou compram, o que lhes garante uma vantagem estratégica quando é necessário resolver qualquer tipo de inconveniente.

Seja no controle de estoques, rastreabilidade de mercadorias ou na própria gestão de compras de insumos e outros materiais, as inteligências artificiais já se tornaram uma ferramenta indispensável em qualquer empresa que demanda alta eficiência logística. Implementá-las em processos internos já deixou de ser um mero capricho do mundo corporativo e, hoje, virou uma questão de sobrevivência no mercado moderno.